Mercado de Luxo – Reportagem de Taíz Machado

Nesta reportagem abaixo de Taíz Machado, ela irá a fundo na pesquisa sobre o comportamento do consumidor ao adquirir um produto de Luxo. Além disto ela vai falar sobre este mercado de um modo geral. Acho que o vídeo pode complementar bastante o que foi dito até agora sobre o meu tema: Marketing de mercado de luxo. 

“Blog, 4 meses depois”

Bom, venho hoje falar um pouco da minha experiência com este Blog. E, para falar a verdade, nunca tive muita vontade de ter meu próprio Blog, acabei fazendo-o por uma tarefa académica. Mais também não posso negar que foi uma tarefa que me acrescentou muito em diversos aspectos. 

Confesso que nunca fui uma pessoa muito inteirada nestas novas tecnologias. E este foi um dos pontos que me acrescentou muito com essa minha experiência do Blog. Afinal, com ele pude me inteirar, e me encantar, com essas novas formas de tecnologia e maneiras de passar informações. Outro ponto que me ajudou muito foi o meu tema escolhido para o Blog. Marketing de mercado de luxo sempre foi um tema de muito interesse meu. Gostaria muito de trabalhar nesta área, e o Blog com certeza me ajudou a juntar e acumular conhecimento sobre este assunto. O que com certeza me ajudará muito no meu futuro profissional.

Após 4 meses de Blog, devo confessar que meus conhecimentos se ampliaram e se expandiram muito em diversos assuntos.  

Claus Dietrich Lahrs

 

Segundo um comunicado do grupo Permira (dono da Hugo Boss), o mais novo diretor da marca é Claus Dietrich Lahrs. E parece que a escolha foi bem aceita de todos os lados.

O vice-presidente do grupo, Gianluca Andena, falou que foi ótima a escolha de Lahrs trabalhar na Hugo Boss, ajudando no crescimento da grife. “Sabemos que a experiência internacional de Claus, adquirida na direção de marcas líderes em nível global no setor de luxo, para posicionamento, dimensão e credibilidade, é adequada para o desenvolvimento da Hugo Boss nos próximos anos”, declarou Andena.

Claus Dietrich Lahrs tem como objetivo reforçar conceitos como posicionamento, dimensão e credibilidade.

A Hugo Boss não é a primeira grife em que ele trabalha, dirigiu aChristian Dior por 12 anos e também passou pelos grupos RichmontDelton.

 

Notícia

Neste domingo 18 de maio saiu uma notícia no Estadão falando sobre os Blogs: “O caos de São Paulo organizado nos Blogs”. Vim aqui então comentar um pouco sobre esta notícia. Em suma ela fala desta nova linha de Blogs que vem com a função de orientar e melhorar a vida do paulistano. Muitos deles dão dicas, fazem reclamações ou somente cometam coisas do cotidiano da nossa cidade. 

Com certeza não deixa de ser uma idéia muito interessante, afinal vem ajudando os paulistanos em muitos aspectos. Podemos ver então que mais uma vez os Blogs vem entrando no dia a dia das pessoas como uma evolução da tecnologia para a melhora de vida de todos.

 

PR 2.0 e a polêmica de Chris Anderson

Após ler o texto PR 2.0 e a polêmica de Chris Anderson pude perceber um ligação muito grande do texto com o assunto do meu Blog. Afinal o texto fala dos problemas e falhas encontrados na maneira de agir dor profissionais de Relações Públicas. O texto fala que as empresas deveriam dar “mais valor” para os profissionais de RP, e mais do que isso, eles também tem que mudar a estratégia de relacionamento com o cliente. Deve-se criar uma relação mais aprofundada entre a empresa e seu consumidor. E para que isso ocorra o RP da empresa deve criar uma relação a longo prazo e baseado em confiança com o cliente.

Ao reclamar  da correria do mundo de hoje, os RP acabam por fazer uma relação “mal feita” com o cliente. Ai que entra a ligação do assunto do meu Blog que é Marketing de Mercado de Luxo, afinal, no mercado de Luxo a relação Cliente/Empresa deve ser muito mais aprofundada. Afinal o consumidor desses tipos de bens de consumo necessitam de uma confiança e um conforto muito maior em relação a empresa. Isto ocorre talvez pelos preços elevados dos artigos de luxo e também pela mentalidade do consumidor que adquiri o produto pela obtenção de “status”.

Na minha opinião o texto expõe muito bem os problemas que as empresas vem passando com o RP, e a falta de credibilidade para essa área na empresa. Devemos prestar mais atenção no profissional de RP, afinal nos dias de hoje ter contato e um bom relacionamento só gera pontos positivos na relação empresa/cliente. As pessoas estão cada vez mais inseguras, por este motivo devemos ser bastante delicados ao fazer um relacionamento com nossos clientes.  

 

Havaianas: Luxo???

As Havaianas virou referência para todas as classes. Existem modelos de R$ 6,90 e de R$ 6.900,00 ou mais em co-brand com Channel, por exemplo. Ela está tanto no mercado popular como no de luxo. Até que ponto essa aparente contradição faz bem a marca? 
Na verdade, a Havaianas manteve-se um produto popular. A diferença é que conseguiu, via reposicionamento, legitimar seu uso também nas classes sociais mais altas, tornando-se um item de moda, reflexo de uma postura ‘descolada’. O fato de haver um ou outro exemplar comercializado como item de luxo – pela Chanel ou pela H. Stern, que seja -  trata-se mais de uma tática para reafirmar a posição da marca do que propriamente um ingresso no segmento luxo.